compartilhe 0
19 · 05 · 2017

5 dicas para economizar na alimentação

Economizar na alimentação é uma necessidade básica para quem tem planos após o casamento. E, com o aumento da inflação e os efeitos da crise, os preços dos alimentos estão cada vez maiores.

Nesse cenário, o casal que deseja economizar com alimentação acaba cometendo alguns erros. Por isso, o primeiro passo para comprar e consumir com consciência é não cometer erros na hora de economizar com alimentação.

5  dicas para economizar na alimentação 

1. Não compre em grandes quantidades 

De fato, as promoções são verdadeiras tentações aos nossos olhos. Basta ver uma etiqueta com um valor promocional que logo pensamos em comprar grandes quantidades para aproveitar o desconto, não é?

Contudo, o que parece benefício muitas vezes é um grande engano, e pode oferecer mais prejuízo ao nosso bolso que do que podemos imaginar. Na verdade, comprar em quantidades desnecessárias não é nada indicado para quem quer economizar dinheiro com alimentação.

2. Pesquise valores em supermercados diferentes

Ninguém precisa fazer as compras de rotina no mesmo lugar. Pelo contrário: pesquisar preços e promoções em outros supermercados e feiras é uma maneira bem inteligente de comparar valores e não sair no prejuízo.

3. Seja criativo na cozinha 

economizar na alimentação

A criatividade é uma poderosa arma, e que deve ser usada para quem pretende economizar com alimentação. Mas não é apenas na compra de produtos que essa economia pode ser obtida.

Na verdade, a própria maneira de cozinhar os alimentos já interfere na redução de gastos. Ser criativo pode evitar o desperdício de alimentos e a compra desnecessária de outros para o consumo.

Portanto, aproveitar as sobras, congelar os alimentos, fazer algumas substituições, criar pratos ou fazer preparos com cortes de carnes menos nobres são alguns dos hábitos que podem valorizar ainda mais as compras.

4. Frequentar restaurantes diariamente

Comer fora é um hábito que sempre gera grandes custos. Então, se a intenção é economizar, os restaurantes e demais lanchonetes precisam ficar fora da lista de prioridades do casal.

Famosos por seus preços nas alturas, os cardápios de restaurantes são uma prova viva de que se alimentar custa caro. Por isso, nada melhor do que começar a cozinhar mais em casa, evitando gastar uma fortuna comendo fora.

Faça reuniões entre amigos, revezando as casas em que serão oferecidos os almoços e jantares. Outra alternativa é preparar marmitas e lanches em casa — assim, sua refeição ficará mais barata do que ir ao restaurante todos os dias.

5. Faça uma lista de compras

economizar na alimentação

Por fim, guardar as coisas que precisa comprar somente na cabeça é contar com a sorte.

Realmente, quem está acostumado a ir ao supermercado a vida toda não precisa tanto de listas para lembrar de tudo. Porém, ao fazê-las, fica mais fácil se concentrar apenas no que é preciso adquirir, evitando comprar outras coisas por impulso ou, simplesmente, porque está mais barato.

Além disso, com esse controle vocês podem determinar melhor as quantidades certas, não comprando nada além do necessário, e ainda se deparar com um valor bem menor na hora de passar no caixa.

Tem outras dicas? Fala pra gente nos comentários!